Protesto! Ainda sem receber os salários de novembro, Servidores da Saúde em Cajazeiras realizam novo ato em frente à SMS!

Por - 26 de dezembro de 2018 - 16:33

Servidores públicos municipais da Saúde e membros do SINFUMC, realizaram protesto pacífico em frente à SMS

Protesto! Ainda sem receber os salários de novembro, Servidores da Saúde em Cajazeiras realizam novo ato em frente à SMS!

No início da manhã de hoje, quarta-feira (26) de dezembro, alguns servidores públicos municipais de Cajazeiras, lotados na Saúde, acompanhados de membros da diretoria do SINFUMC, estiveram realizando um protesto pacífico em frente à Secretaria Municipal de Saúde, com o intuito de reclamar e tornar público o absurdo do atraso havido em seus salários desde o mês de novembro e ainda sem previsão de pagamento pela PMC.

Empunhando cartazes com dizeres de protesto, à exemplo de: “Direitos mão se reduz se amplia!” Foi esta a forma encontrada pelos servidores que se reuniram às portas da Sede da Secretaria Municipal de Saúde, com a esperança de que o seu clamor fosse ouvido pelo gestor municipal e que este se apiedasse da situação periclitante na qual se encontram estes profissionais, que sequer tiveram garantidas as suas ceias natalinas, posto que os seus proventos referentes ao mês de novembro até o presente momento ainda não foram creditados em suas contas.

Também foram ouvidos brados de protestos, nos quais diziam: _ “Até esta data os salários de novembro da saúde não foram pagos” e ainda: “A Secretaria de Saúde de Cajazeiras amanheceu o dia 26 de dezembro assim, servidores amargam quase dois meses sem seus proventos no bolso.

Se podia ouvir alguns servidores reclamando do fato de que o prefeito municipal acredita que somente a tão falada recuperação da malha asfáltica, realizada recentemente e ainda em andamento, pode suprir todas as necessidades do povo de nossa cidade, povo que é trabalhador e que apenas está requerendo um direito que lhe é legítimo, o de receber o devido reconhecimento no sentido de o gestor (que é ironicamente profissional médico) autorizar o pagamento de seus salários atrasados.

Segundo um dos servidores que estava presente à manifestação, já faze mais de dois meses que não recebem pagamento algum. “Não é justo passarmos quase sessenta dias sem dinheiro algum”, lamentou o servidor!

O pronunciamento do Secretário Municipal de Saúde de Cajazeiras, Cristóvão Pinheiro foi apenas para esclarecer e fazer saber aos servidores, que para o momento não existem uma disponibilidade em caixa no tocante à recursos que sejam suficientes para efetuar o pagamento da folha do mês de novembro, alegando ainda que está no aguardo de que novos repasses sejam feitos para só então analisar a possibilidade de dar resolução ao problema.

Enquanto isto, os servidores mantém paralisadas as suas atividades e a população padece pela falta de atendimento numa área de tanta relevância.

Cajazeiras segue desgovernada, as luzes do Natal sem ceia vivido recentemente pelos servidores ainda piscam reluzentes pelas ruas e avenidas de nossa cidade, o asfalto está pronto, esteticamente a cidade está agradável aos olhos, mas tal qual um sepulcro caiado, por detrás dos bastidores da administração pública há apenas lama, descaso, podridão e descontentamento.

É o resultado desastroso de uma péssima escolha (sob os moldes do que prediz a democracia) que desde o seu início estava fadada ao insucesso. É nisto que dá escolher para decidir os caminhos de uma cidade alguém que não é filho da terra, pela qual não nutre qualquer sentimento de amor, carinho ou cuidado.

Da Redação.

Notícias relacionadas