MPPB denuncia um homem a cada cinco horas suspeito de violência contra a mulher

Por - 7 de agosto de 2018 - 09:23

Entre janeiro e junho de 2018 foram oferecidas 965 denúncias baseadas na Lei Maria da Penha.

MPPB denuncia um homem a cada cinco horas suspeito de violência contra a mulher

Lei Maria da Penha completa 12 anos nesta terça-feira (7) (Foto: Dani Fechine/G1)

A cada cinco horas, um homem suspeito de agredir mulheres é denunciado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB). Os dados, disponibilizados pelo Sistema de Administração da Corregedoria-Geral do MPPB, mostram que somente entre janeiro e junho deste ano, foram oferecidas 965 denúncias baseadas na Lei Maria da Penha, que nesta terça-feira (7), completa 12 anos de sua sanção.

Para a promotora de Justiça titular de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar de João Pessoa, Rosane Araújo, a lei representa um grande avanço na legislação brasileira e é um instrumento fundamental para o combate à violência de gênero.

“A violência contra a mulher é um problema mundial, que atinge todas as classes sociais, desde a alta executiva, até a professora universitária e a mulher do campo. Isso porque a relação de gênero é uma relação de domínio, em que a mulher é vista como inferior ao homem”, explica.

Segundo a promotora de Justiça, essa lei “tornou visível o que era invisível”. Ela explica que as mulheres, sabendo que a lei prevê a criação de uma rede para proteger e cuidar da mulher, assegurando seus direitos, tem mais coragem para denunciar.

Além de denunciar o agressor para que ele responda a processo criminal, as vítimas também podem requerer medidas protetivas de urgência previstas também na Lei Maria da Penha, como a suspensão da posse ou restrição do porte de armas, o afastamento do lar ou local de convivência com a ofendida, a proibição de determinadas condutas, a restrição ou suspensão de visitas aos filhos, depois de ouvida a equipe de atendimento multidisciplinar ou serviço similar e a prestação de alimentos provisionais ou provisórios.

Fonte:https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2018/08/07/mppb-denuncia-um-homem-a-cada-cinco-horas-suspeito-de-agredir-mulheres.ghtml

Notícias relacionadas