Menos drogas! Guarnição especial do 6º BPM, “Patrulha Fantasma” estoura boca de fumo no bairro do Cristo em Cajazeiras!

Por - 27 de maio de 2018 - 16:24

A boca de fumo, localizada no bairro do Cristo Rei foi estourada por policiais da “Patrulha Fantasma e da Rotam, com apreensão no local, de peças de informática e materiais de construção.

Menos drogas! Guarnição especial do 6º BPM, “Patrulha Fantasma” estoura boca de fumo no bairro do Cristo em Cajazeiras!

Crédito da imagem: Ângelo Lima.

Créditos da imagem: Ângelo Lima.

Na manhã de ontem, sábado dia (26/05/18), policiais do 6º Batalhão de Polícia Militar, sediado em Cajazeiras, através da “Patrulha Fantasma”, realizaram a prisão de 4 meliantes que foram detidos sob a acusação de tráfico de drogas.

Através de denúncia anônima, uma guarnição que realizava rondas de rotina no local naquele momento, foi informada da existência do ponto de venda de drogas naquele bairro. Chegando ao local informado, constaram “in loco” a veracidade do que haviam tomado conhecimento.

Durante a abordagem dos homens encontrados em atitude suspeita, os policiais encaminharam-se juntamente com eles até o local indicado e lá se depararam com significativa quantidade de entorpecentes (mais de 2 quilos de drogas) que haviam sido malocados dentro da caixa que acondiciona o medidor de energia.

Créditos da imagem: Ângelo Lima.

Juntamente com as drogas, também foram encontrados de posse dos acusados, materiais de construção e alguns HD’s de computador, apreendidos pelos policiais e conduzidos juntamente com os acusados e as drogas, para a Delegacia de Polícia Civil de Cajazeiras, para a tomada das medidas legais que requer o caso, tendo em vista que os mesmos não apresentaram as notas fiscais dos referidos produtos apreendidos.

Créditos da imagem: Ângelo Lima.

A operação que pegou os traficantes de surpresa, aconteceu no bairro do Cristo Rei, em Cajazeiras e efetuou as prisões em flagrante, dos seguintes acusados: Francisco Paulo Rocha de Albuquerque Filho, (20 anos) e Mário Ferreira de Sousa (31 anos) este último, natural da capital paraibana, João Pessoa. No momento do flagrante, estavam em companhia dos acusados, dois menores que foram apreendidos e informaram ter 17 e 16 anos de idade, respectivamente.

Créditos da imagem: Ângelo Lima.

Da Redação.

Créditos das imagens: Ângelo Lima.

Notícias relacionadas