Paralisação de atividades em três dos HUs na Paraíba inviabiliza atendimentos e é por tempo indeterminado!

Por - 13 de novembro de 2017 - 20:05

A principal exigência da categoria para um rápido restabelecimento dos serviços é de melhores e mais dignas condições de trabalho

Paralisação de atividades em três dos HUs na Paraíba inviabiliza atendimentos e é por tempo indeterminado!

As atividades laborais dos servidores de três dos Hospitais Universitários existentes na Paraíba, o HULW (Lauro Wanderley) HUJB (Júlio Bandeira) e HUAC (Alcides Carneiro) estão paralisadas por tempo indeterminado a partir desta segunda-feira. Dentre as exigências para o retorno da prestação dos serviços à população, está a melhoria nas condições de trabalho.

Segundo informações fornecidas à imprensa pelos representantes do Sindicato Estadual dos Trabalhadores de Empresas Públicas de Serviços Hospitalares (SINDSERH-PB), será mantido tão somente o atendimento hospitalar referente às atividades consideradas essenciais.

Além de exigir a melhoria das condições atuais para condições de trabalho que sejam mais condignas, a categoria também se mobiliza em posicionamento contrário ao fechamento de leitos da Clinica Médica.

Segundo fora informado pelo sindicato, a redução no atendimento aos usuários do SUS nos Hospitais Universitários no Estado é ocasionada por todo um processo de retrocesso.

Em nota à sociedade paraibana, a Diretoria do SINDSERH-PB e a Diretoria do FENEPSERH, conjuntamente assim justificaram a decisão. Leia a nota na íntegra:

*Nota* a *sociedade*Paraibana*

O Sindicato Estadual dos Trabalhadores de Empresas Públicas de Serviços Hospitalares – SINDSERH-PB, CNPJ: 24.521. 787. 0001-03 no uso de suas atribuições com os Trabalhadores da Ebserh,  com a população paraibana e com total apoio ao SUS,  e em cumprimento às exigências contidas na Lei nº 7.783/89, comunica aos gestores de todas as unidades da Empresa EBSERH/PB e à sociedade em geral, usuária dos serviços de saúde prestados pelos Hospitais Universitário Lauro Wanderley, que em Assembleia Geral Extraordinária realizada no dias 07 de novembro de 2017, os Trabalhadores da EBSERH em atividades no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW),  Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC), Hospital Universitário Julio Bandeira (HUJB),  aderiram a paralisar em decorrência da Protelação da EBSERH em negociar o ACT 2017/2018 com as Legítimas Entidades Sindicais Representativas dos Trabalhadores da EBSERH (FENEPSERH e CSPB);  por melhores condições de trabalho,  contra o fechamento de leitos da Clinica Médica ocasionando retrocessos no SUS ocasionando a redução no atendimento aos usuários do SUS nos Hospitais Universitários na Paraíba; Protelação no fechamento do Acordo Coletivo de Trabalho 2017/2018, cujo data base é 01/03/2017; foi deliberado por aceitação a paralisação dessa classe trabalhadora para do dia 13/11/2017 à 21/11/2017, onde será preservado o atendimento hospitalar das atividades essenciais. Solicitamos a compreensão da população paraibana, tais ações visam também garantir ao usuário dos SUS um melhor atendimento quando necessário.”

Da Redação com informações do site WSCOM e Diretorias do SINDSERH-PB e do FENEPSERH

Créditos da imagem: WSCOM

Notícias relacionadas