Prefeito de Bom Jesus poderá perder mandato em ação de abuso de poder econômico na eleição de 2016.

Por - 18 de julho de 2017 - 14:49

A ação está sendo impetrada pela chapa que ficou na segunda colocação, que teve como candidato a prefeito Edivan Brito (PSB), que obteve 1.092 nas eleições passadas.

Prefeito de Bom Jesus poderá perder mandato em ação de abuso de poder econômico na eleição de 2016.

O prefeito de Bom Jesus, Roberto Bayma (PSD), está sendo acusado de usar a máquina administrativa e de comprar de votos nas eleições de 2016, ano que foi reeleito com 1.638 votos.

A ação está sendo impetrada pela chapa que ficou na segunda colocação, que teve como candidato a prefeito Edivan Brito (PSB), que obteve 1.092 nas eleições passadas.

O ex-prefeito de Bom Jesus, Evandro Brito, acredita que Roberto Bayma perderá o mandato, pois as provas são fortes a respeito de crimes eleitorais nas eleições de 2016.

Da redação

Notícias relacionadas