Lira descarta Governo, mira Senado e vê decisão de RC de ficar no Governo irreversível: “Ele cumpre o que diz”

Por - 7 de julho de 2017 - 14:20

Lira descarta Governo, mira Senado e vê decisão de RC de ficar no Governo irreversível: “Ele cumpre o que diz”

O senador Raimundo Lira, do PMDB, voltou a externar, nesta sexta-feira (07), durante entrevista, o desejo de disputar a reeleição ao Senado Federal nas eleições de 2018, e descartou qualquer possibilidade de ser o escolhido “candidato surpresa” do governador Ricardo Coutinho (PSB), na disputa pela sucessão estadual.

“O meu desejo é de pleitear a reeleição para o Senado Federal. Tenho alguns objetivos que considero fundamentais na minha atividade parlamentar, dentre os principais, a duplicação da BR 230, de Campina Grande a Cajazeiras, uma obra que vai levar de seis a sete anos por ser uma obra de maior importância do Ministério dos Transportes em todo o país e eu gostaria de estar aqui, com o apoio dos paraibanos, para acompanhar a construção e a duplicação dessa BR. E outro sonho que tenho, estou trabalhando fortemente nele, é o ramal Piancó, que vai atender toda a necessidade hídrica daqueles municípios abastecidos pela barragem Coremas – Mãe d´água e assim a Paraíba será o estado mais beneficiado com a transposição”, disse.

Para o peemedebista, Ricardo permanecerá mesmo no comando do Governo do Estado para fazer seu sucessor nas eleições de 2018, ficando de fora da disputa pelo Senado.

“Não pretendo ser candidato a governador, porque já percorri a Paraíba inteira, nos últimos dias, e levei a informação a todos os nossos apoiadores é que minha vontade é a reeleição ao senado. Já sobre o governador permanecer no governo, acredito que a decisão foi tomada, até porque o governador tem sido uma pessoa muito seria nas suas afirmações. Tem sido um gestor muito respeitado a nível nacional e quando ele decide e dá uma declaração dessas ele está transmitindo uma situação absolutamente verdadeira”, arrematou.

Aliado

Lira voltou a deixar claro que é aliado do governador e espera que o PMDB se alinhe com o PSB no próximo pleito.

“A Paraíba sabe que eu sou um aliado do governador Ricardo Coutinho. Gostaria que o PMDB estivesse aliado com o governador em 2018”, antecipou, mas fez questão de destacar que mantém sintonia como senador José Maranhão, inclusive, agradecendo publicamente o apoio e o incentivo do correligionário na indicação da liderança do PMDB no Senado.

Fonte: PBAgora

Notícias relacionadas